São José dos Campos
20º / 26º
No decorrer do dia o dia terá com variação de nebulosidade na região.
REGIAO
May 19, 2016 - 11:00

'Noite oficial dos Ovnis' no céu de São José completa 30 anos

Luzes vista no céu de Sâo José há 30 anos. Foto: Adenir Brito/Divulgação.

Luzes vista no céu de Sâo José há 30 anos. Foto: Adenir Brito/Divulgação.

Xandu Alves
São José dos Campos

"Não posso afirmar que era extraterrestre, mas humano não era." O fotógrafo de São José Adenir Britto não tem dúvida de que presenciou, há 30 anos, um evento fantástico que entrou para a história do Brasil e do mundo.

Na Ufologia, que estuda fenômenos relacionados a objetos voadores não  dentificados, o episódio ficou conhecido como "Noite Oficial dos Óvnis no Brasil".

Brito trabalhava no jornal ValeParaibano naquela noite, em 19 de maio de 1986, quando o veículo recebeu mais de 60 telefonemas de pessoas relatando ter visto luzes estranhas no céu da cidade.

Ele foi o único fotógrafo a documentar as luzes coloridas, que sumiram tão repentinamente como haviam aparecido depois de oito horas de manobras inexplicáveis.

"A velocidade era muito alta e os objetivos faziam manobras bruscas e invertiam a direção do movimento. Nunca vi nada criado pelo homem fazer isso", disse Brito.

Mistério.
  O fotógrafo não foi o único a observar as luzes. Ninguém menos do que o coronel Ozires Silva, um dos fundadores da Embraer, voava naquela noite e também conseguiu ver os objetos, que ele classifica como inexplicáveis.

Orientado pelo centro de controle de Brasília, que havia identificado "três alvos desconhecidos" no radar, Ozires e o comandante Alcir Pereira da Silva, que estavam num avião Xingu, foram atrás dos alvos.

Conta Ozires sobre aquela noite: "A visibilidade estava muito boa, noite estrelada. E entre as estrelas vi um objeto que parecia um astro, meio arredondado e vermelho".
E conclui: "Só que astros não aparecem no radar".

Para Ozires, o episódio continua sem explicação. "Não dá para colocar tudo no racional. Temos que ter atitude de humildade e saber que podem acontecer coisas que não temos explicação. Prefiro essa hipótese que estimula o sentido da investigação". 


Caso só perde para o de Varginha 

Considerado o segundo episódio mais importante da Ufologia brasileira, perdendo apenas para o ET de Varginha, os objetos voadores não identificados em São José serão tema de um encontro no sábado, na Câmara de São José, às 17h.

Trata-se da quarta edição do Encontro Ufológico do Vale do Paraíba, promovido pelo Grupo de Estudos Ufológicos 19 de Maio, batizado com a data do fenômeno no céu de São José.

Segundo Eduardo Oliveira, estudioso do assunto que dará uma palestra sobre ele no evento, a noite dos Ovnis em São José se destaca pelo "nível de confirmação oficial do episódio". Afirmou ele: "Havia algo físico, os objetos estavam lá, com determinação da velocidade estimada em até 18 mil km por hora, 15 vezes a velocidade do som. Nenhuma aeronave nossa voa tão rápido". 

Publicidade
Publicidade
Publicidade  
Publicidade
Publicidade
Publicidade